Terras Jurassicas

Terras Jurassicas
Quando Eles Mandavam

11 de janeiro de 2011

A Descoberta do Carchadorontossauro: O Primo do Giganotossauro


Hoje vou falar rapidamente sobre o Carcharodontosaurus, mais uma vez sobre os mitos e realidades sobre o tamanho dos maiores dinossauros carnívoros.

A Descoberta: Megalosaurus ou Carcharodontosaurus?

Quando foi encontrado, em 1912, no Marrocos, foi confundido com o Megalossauro, já super conhecido na época.

Mas naquela época poucos fósseis foram encontrados e dessa forma, não poderíamos encontrar alguem que estivesse apto a realizar uma adequada e acertada averiguação ou estudo nos fósseis.

E assim ficou, por muito, muito, mas muito tempo mesmo, sendo considerado uma nova espécie de Megalossauro, o Megalosaurus saharicus, um pouco menor e menos robusto do Megalosaurus bucklandi, o 'original'.

Enquanto o bucklandi apresentava dentes maiores e mais primitivos, o saharicus por sua vez, tinha dentes mais serrilhados e mais parecidos com os do Allosaurus.

O Megalosaurus bucklandi atingia até 9 ou 10 metros de comprimento, por cerca de 3 metros de altura por talvez umas 2 toneladas de peso.

Já o saharicus, um pouco menor, atingia cerca de 8 metros de comprimento. Ele era conhecido por poucos fósseis, e desde então, foram deixados de lado, nunca mais estudados e esquecidos.

Até 1996, ficou dessa maneira. Foi então que nesse exato ano, Paul Sereno, um paleontólogo, e sua equipe foram até o Marrocos, na região do Deserto do Saara. Após dois meses de escavação, nada foi encontrado. Quando faltavam apenas dois dias para o fim da escavação, Sereno avistou algo em uma grande montanha arenosa.
Na Imagem acima uma comparação do tamanho do crânio do Carchadorontossauro e de um ser humano: Diferença de 50x.

Escavando um Gigante

A escavação começou, e não se perdeu a expedição. Após alguns minutos, descobriram tratar-se de um carnívoro, pelos formatos dos dentes e dada a quantia de dentes, passavam de 10 dentes, que trataria-se de um carnívoro dos grandes. Depois de algumas horas, o resultado: Uma enorme cabeça, com cerca de 1.6 metros de comprimento, maior do que a do T.rex e do mesmo tamanho da do Giganotossauro. Além do crânio, foram encontrados mais alguns fósseis. Seria este um novo rival em tamanho para o T.rex?

Giganotossauro x Carcharodontossauro: Iguais, mas tão diferentes...

O mais fantástico de tudo, é que quando comparados, os crânios do Carcharodontossauro e Giganotossauro, são extremamente semelhantes, quase perfeitamente iguais. Ambos viveram inclusive, mais ou menos na mesma época, mas em locais diferentes. A diferença de tamanho dos dois crânios era de apenas 2 cm...Mas a diferença mais marcante é a forma e o estilo dos dentes: O Giganotossauro possuía dentes um pouco menores, mais finos, muito mais afiados e pontiagudos, ideais para perfufar a pele e carne da presa, enquanto o Carcharodontossauro tinha dentes mais largos, grossos, serrilhados e menos pontudos, porém eram mais poderosos e eficientes, ideais para rasgar a pele e a carne e esmagá-las e arrancá-las. Quando comparados com os do T.rex, ambos sãp muito mais frágeis, possuem estrutura mais fina, menos robusta, são mais primitivos, e seus dentes e mordidas, bem menos potentes, pois o T.rex possuia dentes com até o dobro do tamanho, e a mandíbula, bem, mais de dez vezes a potência, além de seus dentes serem mais poderosos, e não apenas perfurarem ou rasgarem carne e pele, mas tambem para esmagar e estraçalhar ossos das presas.

A Potência da Mandíbula: Quem dos três é o mais poderoso?

Estudos realizados em crocodilos, jacarés e tubarões foram realizados para constatar quem possui, atualmente a mais potente mordida do reino animal. O Tubarão atingiu 1.3 toneladas de pressão, o Jacaré atingiu 1.5 toneladas/força e o Crocodilo, levou a disputa, atingindo 1.7 toneladads. Mas o que que isso tem a ver com dinossauros????

Agora, a explicação: a mordida do Giganotossauro, provavelmente teria 3x a força de um crocodilo, ou seja, pouco mais de 5 toneladas de força. O Carcharodontossauro, por sua vez, atingiu 5x o valor dessa potência, chegando as 8.5 toneladas de força. Mas então surge o eterno Rei. Quando sua fama e força pareciam começar a entrar em cheque, os estudos surpreendem novamente: para se ter uma noção mínima da diferença dos três animais, apenas os maiores dentes, exerciam, cada um, uma pressão de 1.360 kg/força!!! Enquanto que a potência total chega a 16x a de um Crocodilo, ou seja, impressionantes 27 toneladas de força!!!

Mais Estudos sobre o Monstro Africano

Após análises mais aprofundadas, constatou-se que aquele velho fóssil encontrado no começo do século XX se tratava do mesmo animal que este, afinal sua estrutura óssea e seus dentes, eram iguais, porém maiores.

Então a comunidade científica especializada nos dinossauros, voltou-se para o velho fóssil. Mas apenas dispunham de folhas e folhas e cadernos de anotações de estudos sobre os mesmos. Os fósseis, assim como ocorrera com os do holótipo do Espinossauro, foram destruídos em plena 2ª Guerra Mundial.

E agora? Foi então constatado o seguinte: Aquele exemplar de apenas 8 metros não se tratava de um Megalosaurus, mas sim de algo novo. Aquele velho fóssil era apenas um animal que começava a entrar na adolescência!!!

Isso mesmo, era um sub-adulto. Então, para denominar a enorme criatura, focaram no traço mais marcante do dinossauro: Seus enormes e serrilhados dentes, no forma e aparência iguais ao de um Grande Tubarão Branco. Assim nasceu a nova denominação: Réptil com dentes de Tubarão, do Saara, para manter parte do velho nome. Portanto temos o Carcharodontosaurus saharicus.

Mas e agora, qual o tamanho dele?


Analisando ambos os fósseis, ou o que restou deles e considerando que não há um holótipo do animal, os especialistas buscavam uma maneira de estimar o tamanho com base na estrutura do sub-adulto e do adulto. Comparativamente, o animal adulto deveria ter cerca de 15 metros de comprimento por 5 metros de altura e seis, talvez 7 toneladas de peso.

Opa! Isso faria dele o maior de todos não é? Mas, por causa da ausência de fósseis mais completos e detalhados, então o Carcharodontossauro não poderia ser considerado o maior carnívoro, considerando que aqueles que disputavam à época o 'título', Tyrannosaurus e Giganotosaurus, eram conhecidos por muito mais fósseis e por seus holótipos, que se tratam dos fósseis mais completos, ou o mais completo possíveis, em que as estruturas ósseas são exatamente conhecidas e o tipo de corpo, detalhado e a anatomia do animal é perfeitamente descrita.

A Conclusão do Assunto: Mais Leve e Ágil do que se pensava


Portanto, muito pouco conhecido, em número de fósseis, o animal sempre aparece em terceiro, ou talvez até em quarto, quando o assunto é quem é o maior dos carnívoros.

Mas, mesmo assim, anos depois, e depois de ser muito bem estudado, atualmente os cientistas perceberam um certo exagero no tamanho do Carcharodontossauro, e à ele é reconhecido e atribuído o seguinte tamanho: 10 a 13.5 metros de comprimento, talvez 14m, 5 metros de altura e cerca de 7 toneladas.

Por ser um carnívoro primitivo, parece ser um animal ágil e veloz, já que as estimativas de seu peso foram exacerbadas. O Carcharodontossauro era, provavelmente, mais ágil e inteligente do que o Giganotossauro, seu primo sulamericano enorme e poderoso, mas com certeza o Giganotossauro era mais robusto e pesado que o seu primo norte africano.

Por enquanto é só, galera, eu volto outra hora com mais e com o último post dessa seção: Os mitos e realidades sobre os maiores carnívoros. Até lá!

2 comentários:

  1. Gostaria de saber se eles tinham visão binocular. Obrigado!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom, até onde se sabe, os Carcharodontosaurus, predadores top e de fato, um dos maiores e mais magníficos dentre todas as bestas pré-históricas, não tinham visão binocular, característica evolutiva que só veio a aparecer milhares de anos mais tarde, já quando animais como o T.rex e o Daspletosaurus perambulavam pela Terra.

      Porém, por serem predadores, seus olhos eram mais voltados para frente do que suas presas. Isso faz com que se calcule melhor distâncias e ajuda a ter mais chances num eventual ataque.

      Mesmo assim, a visão do Carcharodontosaurus provavelmente não estaria entre as piores, e para seu tamanho, apresentaria um nível razoável de inteligência, tal qual os Giganotosaurus e Spinosaurus, o que fazia dele um temível e terrível oponente ou predador, para qualquer que fosse o adversário.

      Obrigado :)

      Excluir